TRÊS LAGOAS

POLÍTICA MS

Rota Rupestre é o tema de discussão do programa Considerações

Publicados

em

O programa Considerações discutiu nesta edição o tema Rota Rupestre, é um programa de iniciativa da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), que busca contemplar municípios do Estado, onde há sítios arqueológicos com arte rupestre, levando por meio de ações de pesquisa a bioeconomia, turismo e as belezas naturais.

Participaram do programa, a pesquisadora Lia Brambilla, Arqueóloga e Diretora de Popularização da Ciência da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, que participou ativamente da implantação da Rota Rupestre, e o jornalista Kleber Clajus, que conheceu in loco 7 de 11 cidades inseridas nessa Rota.

O programa mensal é na TV ALEMS, sendo transmitido na segunda-feira a partir das 14h30, quarta-feira 16h, sexta-feira 16h e domingo 11h, no canal 9 da NET).  Também disponível pelo canal do YouTube.

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA MS

Projeto do Executivo regulamenta o transporte rodoviário intermunicipal de passageiros

Publicados

em

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) enviou, na tarde desta segunda-feira (4), à Assembleia Legislativa, o Projeto de Lei 192/2022, que institui o Sistema de Transporte Rodoviário Intermunicipal de Passageiros do Estado de Mato Grosso do Sul (Sistema Trip-MS). A proposta estabelece critérios para exploração e funcionamento desse serviço. O chefe do Executivo solicitou tramitação em regime de urgência.

“O projeto foi desenvolvido diante da necessidade de atualização regulatória do sistema que até então era amparado no Decreto nº 9.234, de 12 de novembro de 1998, que atribui ao antigo Departamento de Estradas e Rodagem de Mato Grosso do Sul (Dersul), extinto no ano de 2000, a competência para regulação e fiscalização do serviço”, informou o governador na mensagem anexa à proposta.

Conforme o projeto, o Sistema Trip-MS será composto pela Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra), pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul (AGEMS), operadores do Serviço de Transporte Rodoviário Intermunicipal de Passageiros e pelo usuário do serviço. 

A proposta estabelece regras para concessão, permissão e autorização do serviço regular de transporte rodoviário intermunicipal de passageiros, além de normas para tarifas, bilhetes de passagem, avaliação de desempenho, fiscalização, entre outros pontos. Há, ainda, um capítulo referente a transporte clandestino.

Segundo o chefe do Executivo, a proposta segue a política estabelecida pelo Governo Federal no que concerne ao transporte intermunicipal e internacional de passageiros pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Também se fundamenta em estudos realizados pela AGEMS com demais agências de regulação do país. Esses estudos, afirma o governador, “mostraram ser necessário rever o arranjo atual de delegação e estruturar um novo e adequado modelo ao setor de transporte rodoviário intermunicipal de passageiros”.

Fonte: Assembleia Legislativa de MS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO DO SUL

MAIS LIDAS DA SEMANA