TRÊS LAGOAS

ECONOMIA

Último A380 da Emirates é visto em Toulouse

Publicados

em


source
Último A380 da Emirates é visto em Toulouse
Guilherme Dotto

Último A380 da Emirates é visto em Toulouse

No início deste mês, o último Airbus A380 encomendado pela Emirates foi flagrado em Toulouse (TLS), aeroporto onde está localizada uma das instalações da Airbus.

Utilizando atualmente a matrícula F-WWSH, pertencente à fabricante francesa, o quadrimotor de apenas 5 meses de idade será incorporado em breve à frota da companhia emiradense.

Voando em breve como A6-EVS, a maior aeronave de passageiros do mundo de número de série 272 será a última unidade do gigante A380-800 a ser fabricada pela Airbus.

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de aviação!

Você viu?

Atualmente, a Emirates possui 266 aeronaves em sua frota, sendo 1 A319, 117 A380 e 148 Boeings 777. A companhia possui ainda 5 Airbus A380 e 2 B777 que deverão ser entregues em breve.

Leia também:

O post Último A380 da Emirates é visto em Toulouse apareceu primeiro em Contato Radar – Notícias de aviação .

Leia Também:  Itapemirim anuncia live no Instagram da chegada do primeiro avião

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ECONOMIA

Bolsonaro e ministros vão a pé entregar proposta de privatização dos Correios

Publicados

em


source
O presidente foi caminhando do Palácio do Planalto até a sede do poder Legislativo. Ele estava acompanhado, entre outras pessoas, dos ministros da Secretaria de Governo, Eduardo Ramos, e das Comunicações, Fábio Faria.
Reprodução/CNN Brasil

O presidente foi caminhando do Palácio do Planalto até a sede do poder Legislativo. Ele estava acompanhado, entre outras pessoas, dos ministros da Secretaria de Governo, Eduardo Ramos, e das Comunicações, Fábio Faria.


Nesta quarta-feira (24), o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) foi até o congresso nacional entregar a proposta de  privatização dos Correios ao presidente da Casa,  Arthur Lira (PP – AL). Bolsonaro foi acompanhado por vários ministros e causou tumulto nas ruas de Brasília. O ministro da economia, Paulo Guedes, chegou atrasado. 

Durante o trajeto pela Praça dos Três Poderes, jornalistas e seguranças amontados. O tumulto causou a quebra de uma porta de vidro na saída do Salão Verde da Câmara dos Deputados. Ninguém se feriu.

Em reunião solene, Guedes pediu agilidade para a aprovação da MP e argumentou os atrasos nas pautas econômicas no ano passado devido à pandemia de Covid-19. Nenhuma autoridade, ao contrário da entrega da MP que prevê a privatização da Eletrobras, não concedeu entrevista até o momento. 

Leia Também:  Itapemirim anuncia live no Instagram da chegada do primeiro avião

Você viu?


Mercado

A privatização dos correios é um aceno ao mercado econômico que o requeria desde a campanha. A entrega presencial da proposta tenta amenizar os ânimos com esta base eleioral que reagiu mal às interferências do  presidente na Petrobras. 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

POLICIAL

MATO GROSSO DO SUL

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA